» » » Romero mexe em “peça” e muda destino de pelo menos cinco políticos nos próximos dias

Dominó político

Está nas mãos do prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, do PSDB, o destino de pelo menos cinco políticos paraibanos, sendo dois deputados estaduais, uma vereadora de João Pessoa, uma vereadora de Campina Grande, e um suplente de vereador, também de João Pessoa.

A peça desse dominó político deve ser mexida já nos próximos dias.

O tucano, que é cotado para a disputa pelo Governo da Paraíba, nas eleições de 2018, se prepara para convidar ou o deputado Tovar Correia Lima ou o deputado Bruno Cunha Lima, ambos do PSDB, para assumir uma pasta no primeiro escalão da administração municipal.

A articulação, se concretizada, abre vacância na Assembleia Legislativa da Paraíba, o que acabaria contemplando a vereadora Elisa Virgínia, primeira suplente de deputada do PSDB e, de quebra, acarretaria na ascensão à titularidade à Câmara Municipal de João Pessoa, o suplente Marmuthe Cavalcanti.

Em entrevista nesta terça-feira (09) o deputado Tovar Correia Lima confirmou a possibilidade de assumir um cargo na prefeitura de Campina Grande.

Caso saia, além da ascensão de Elisa à ALPB, o comando da bancada de oposição passaria para o deputado Bruno Cunha Lima (PSDB), quarta peça nesse “dominó” que pode ter o destino modificado pela decisão de Romero.

“Eu tenho um relacionamento com Romero muito estreito, falo muito com Romero sobre a administração da prefeitura de Campina Grande e também sobre o futuro. Estamos discutindo isso, essa questão de sermos secretário ou não. Mas existem outros fatores envolvidos nesses fatores, tem a liderança na ALPB, como também a composição de forças sobre quem entra no meu lugar, que alçará voos mais altos, quem chegará a Câmara de João Pessoa, então esse tabuleiro todo precisa ser pensado com muita calma, cautela, para não gerar fissura com ninguém, para que seja uma questão em torno de um denominador comum bem aparelhado”, disse.

A data para a possível indicação de Romero ainda não foi definida, mas na próxima semana Romero, Bruno e Tovar devem se reunir para bater o martelo sobre o assunto.

“Na próxima semana deveremos retomar essa discussão e achemos os três um denominador comum para esse desfecho. O que é fato é que Romero tem a intenção sim de trazer Bruno ou eu para Campina Grande”, adiantou.

PSD X PSDB e a 5ª peça

Apesar de ser diretamente beneficiada caso a articulação liderada por Romero Rodrigues (PSDB) seja efetivada, a vereadora de João Pessoa, Elisa Virgínia, que é do PSDB, defende abertamente o nome do prefeito Luciano Cartaxo (PSD) para o Governo da Paraíba, em 2018.

Já em Campina Grande, a vereadora Ivonete Ludgério, que é do PSD, aponta Romero como melhor opção para o pleito estadual.

Caso a articulação ocorra, há quem diga que essa seria também uma forma de Romero “blindar” a vereadora Ivonete de uma possível insubordinação futura dentro do PSD, já que, com o desfecho pró tucana, seria uma forma de o PSD não exigir fidelidade partidária em caso de racha entre as siglas no próximo pleito.

Pbagora

Edson Pereira

O Portal Fala Prefeito é um projeto de caráter informativo e dedicado a trazer a nossos leitores de forma universal e multilíngue, estabelecido na internet sob o princípio da responsabilidade, a informação.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário :