» » » » Romero garante que água da transposição chega a CG em abril e que atraso não deve superar 10 dias

O prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSDB), garantiu que a água da transposição do Rio São Francisco chega ao açude de Boqueirão, em Campina Grande, no mês de abril. O gestor afastou a possibilidade de adiamento da chegada das águas e criticou a análise feita pelo professor da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e doutor em recursos hídricos, Francisco Sarmento, que colocou em cheque o prazo para a chegada das águas.
Romero explica que a água já superou dois possíveis obstáculos e que já está a caminha de Boqueirão.  “Está tudo normal e caminhando bem[…] Até porque a água já passou pelo que seria, talvez, dois problemas no trecho do percurso de Monteiro à Boqueirão, que são os açudes e Poções e Camalaú. Já passou pelos dois, então, inevitavelmente, chegará a boqueirão e a previsão é que isto ocorra no mês de abril. Pode ter 10 dias a mais ou menos, mas em abril será resolvido”.
Romero também ressaltou que de Monteiro para Boqueirão, em função da questão da topografia, a água da seguirá por desnível. “Não tem quem mexa na lei da gravidade. Então, inevitavelmente, essa água vai chegar à Boqueirão, querendo esse técnico ou não”, disse.
Romero se referiu ao professor Francisco Sarmento, que em entrevista a Rádio Correio, questionou o volume da vazão liberada para o Rio Paraíba, que é o canal responsável pelo transporte da água até Campina, ponderando que, da forma como estava sendo liberada, com menos de 2m³ de água por segundo, a água demoraria até cinco anos para sanar o problema de abastecimento de Campina.

Edson Pereira

O Portal Fala Prefeito é um projeto de caráter informativo e dedicado a trazer a nossos leitores de forma universal e multilíngue, estabelecido na internet sob o princípio da responsabilidade, a informação.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário :