» » » Quem queria Golpe Militar era a Esquerda Brasileira no Impeachment

O comandante do Exército, general Eduardo Villas Bôas, contou à Veja que a instituição foi sondada para decretar estado de defesa nos dias que antecederam o impeachment de Dilma Rousseff.
"Nós temos uma assessoria parlamentar no Congresso que defende nossos interesses, nossos projetos. Esse nosso pessoal foi sondado por políticos de esquerda sobre como nós receberíamos uma decretação do estado de defesa."
Segundo ele, o objetivo - rechaçado pelo Exército - era "conter as manifestações que ocorriam contra o governo".

O Antagonista

Edson Pereira

O Portal Fala Prefeito é um projeto de caráter informativo e dedicado a trazer a nossos leitores de forma universal e multilíngue, estabelecido na internet sob o princípio da responsabilidade, a informação.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário :